VII Feira da Dieta Mediterrânica realiza-se entre 5 e 8 de setembro

Inserido no Plano de Salvaguarda aprovado pela UNESCO, o evento realiza-se em Tavira.

Texto: Sofia Monteiro Cardoso

A feira resulta da inscrição da Dieta Mediterrânica na Lista do Património Cultural Imaterial da Humanidade, em dezembro de 2013, com a inclusão de Portugal e da sua comunidade representativa Tavira.

O programa da nova edição inclui uma feira institucional com presença de outros países, de instituições nacionais e regionais, mercado de produtores, mostras botânicas e de sementes, praça da convivialidade e restauração, provas e petiscos, música mediterrânica, poesia, dança e outras artes performativas, exposições e projeções, visitas ao património natural e cultural e muitas outras novidades. 

As questões ambientais serão uma temática em voga. De realçar que, dentro desse tema, a preservação dos cavalos-marinhos da Ria Formosa será tratada em exposição por alunos da escola D. Manuel I.  

Já o MEDFEST, no Mercado da Ribeira, tratará experiências culinárias de oito países mediterrânicos distintos.

Como noutras edições, o evento aposto na prevenção do acidente cardiovascular e aconselhamento em relação à saúde nutricional, actividades físicas, e muitas ofertas relacionadas com a área da saúde.

Atualmente, a dieta mediterrânica é um dos contributos mais relevantes para a preservação ambiental e prevenção das alterações climáticas. Representa ainda um modelo de agricultura sustentável e de alimentação saudável. 

A Feira da Dieta Mediterrânica é uma organização da Câmara Municipal de Tavira em parceria com a CCDR Algarve, DRAP Algarve, Região de Turismo do Algarve, Direção Regional de Cultura do Algarve, Universidade do Algarve, Escola de Hotelaria e Turismo de VRSA, Escola de Hotelaria e Turismo de Faro, Associação In Loco e Tavira Verde E.M.