IFAP abre candidaturas a apoios à redução da produção de leite de vaca

A abolição das quotas leiteiras em abril de 2015 contribuiu para o significativo aumento de produção na União Europeia (UE), que conjugado com o embargo russo a importações da UE em agosto de 2014 e a desaceleração nas economias emergentes (desde logo a China), geraram largos excedentes tanto de leite como de produtos lácteos e um pronunciado desequilíbrio entre oferta e procura à escala global.

Desde 2015, o impacto a nível de preços tem sido acentuado, com perdas económicas significativas para os produtores de leite.

Embora as medidas já adotadas pela Comissão Europeia desde o início do embargo russo tenham permitido mitigar ligeiramente a situação, não alteraram, contudo, o desequilíbrio existente.

Tendo presente a necessidade dos requerentes apresentarem um pedido formal de candidatura a este apoio, foi disponibilizado na área reservada do IFAP - Instituto de Financiamento da Agricultura e Pescas, um formulário específico para este efeito, ao qual podem aceder diretamente os beneficiários ou, nessa impossibilidade, dirigirem-se às entidades credenciadas para efetuarem a candidatura em seu nome.

As regras desta ajuda, e legislação aplicável, podem ser consultadas em Apoio Específico para a Redução da Produção de Leite de Vaca.