Famílias europeias gastam 12,2% das suas despesas em alimentos e bebidas não alcoólicas

  • 05 dezembro 2018, quarta-feira
  • mercados

aliementos

Os agregados familiares da União Europeia gastaram, em 2017, uma média de 12,2% das suas despesas totais em alimentos e bebidas não alcoólicas, segundo dados do Eurostat.

Segundo a entidade, esta é a terceira categoria mais importante das despesas dos agregados familiares europeus, depois da categoria “habitação, água, electricidade, gás e outros combustíveis”, que representa 24,2% das despesas das famílias. e dos transportes, que valem 13% das despesas.

Dos países da União Europeia, as famílias portuguesas encontram-se na décima posição, gastando 16,7% das suas despesas em alimentos e bebidas não alcoólicas, um valor acima da média europeia.

No topo da lista encontra-se a Roménia, com as famílias a despenderem 27,8% das suas despesas em alimentação e bebidas não alcoólicas. Seguem-se a Lituânia (21,6%) e a Estónia (20,3%).

Os países cuja alimentação e as bebidas não alcoólicas têm menor peso nas despesas dos agregados familiares são o Reino Unido (8,2%), o Luxemburgo (8,9%) e a Irlanda (9,2%).