Especialistas debateram a fraude alimentar

A Academia VLM promoveu a 4.ª edição do seminário Alimentas, que este ano apresentou o tema “Fraude Alimentar: da Fiscalização à Prevenção”, no passado dia 28 de setembro, no Aveiro Business Center.

alimentas

A revista TecnoAlimentar foi media partner do evento.

Cerca de 70 participantes tiveram a oportunidade de ouvir vários especialistas em diferentes vertentes desta temática, exporem as suas ideias e opiniões sobre a Fraude Alimentar na perspetiva do consumidor, autoridades e ainda a nível normativo, dando enfoque às estratégias para mitigação deste problema.

De salientar o contributo das intervenções técnicas:

• A Fraude Alimentar e o Consumidor (ANCIPA);

• Fraude Alimentar - A Realidade Nacional e Internacional (ASAE);

• Fraude Alimentar nos Referenciais FSSC 22000, BRC Food e IFS Food e a Norma ISO 22000:2018, perspetivas para a nova versão (Bureau Veritas);

• Metodologias para Mitigação da Fraude Alimentar (VLM Consultores).

A par destes temas, houve o contributo e experiência da empresa Jerónimo Martins (Pingo Doce), que expôs a sua perspetiva relativamente a esta temática e apresentou a sua metodologia para controlo da Segurança Alimentar, que inclui aspetos para mitigação da fraude.

Com estas abordagens «pretendeu-se prestar ao auditório, composto maioritariamente por intervenientes na cadeia de abastecimento, um esclarecimento para a Fraude Alimentar, englobando vários aspetos e perspetivas, procurando fornecer mais informação para permitir enfrentar esta problemática, que tanta atenção tem merecido nos últimos tempos», indica a organização.