Empack & Logistics terá uma nova área de demonstração

A maior feira ibérica destinada a profissionais das áreas da embalagem, armazenagem, manutenção e logística, realiza-se entre os dias 18 e 19 de setembro na Exponor, em Matosinhos, subordinada ao tema da economia circular e os novos regulamentos para as embalagens de uso único.

empack

Texto: Ana Catarina Monteiro

Durante dois dias, os visitantes da “Empack and Transport & Logistics” terão a oportunidade de conhecer os mais recentes avanços tecnológicos e maquinaria de empacotamento, robótica e automação.

«A edição deste ano vai contar com uma nova área de demonstração. Vamos apresentar soluções inovadoras e novidades que possam permitir um maior controlo sobre o processo, diminuindo assim os riscos e trazendo grandes vantagens para o negócio dos nossos visitantes», realça Raquel Carboneras, responsável pelo evento. A mostra terá este ano uma «área vip, onde os expositores poderão estar com determinados clientes num ambiente mais confortável e reservado», acrescenta. 

A feira levará a discussão a economia circular e os novos regulamentos para as embalagens de uso único. Até 2030, a União Europeia terá de fazer desaparecer as embalagens de plástico descartáveis, segundo a norma aprovada pela Comissão Europeia.

«Esta é uma temática à qual os players do setor não poderão fugir. É, por isso, de extrema importância que juntos discutamos novas soluções e partilhemos ideias. Este é, por isso, um assunto que urge debater. Por esta razão, o tema estará em destaque numa das várias conferências que irão decorrer durante a Empack and Transport & Logistics. Palestras essas que irão contar com a participação dos principais utilizadores de embalagens que, em conjunto com as principais associações industriais, como a APIP [Associação Portuguesa da Indústria de Plástico], irão apresentar perspetivas interessantes sobre o futuro e os desafios do sector», revela a responsável.

Entre outros nomes, estão já confirmadas as participações da Bosch e da Makro Portugal, "empresas que estão a trabalhar para dar ao setor de embalagem soluções que atendam às novas regras e que sejam mais sustentáveis", explica a organização do evento.

O futuro da indústria de logística também terá um espaço dedicado. Associações industriais como a Associação Portuguesa de Logística (APLOG) irá contribuir com a sua experiência para que os visitantes conheçam novos processos e soluções.

De regresso à Exponor estará também o Smart Badge, um cartão que serve de acreditação e que, passado pelos leitores que se encontram nos stands dos expositores, permite ao visitante receber toda a informação sobre o mesmo, por correio eletrónico. "Amigo do ambiente, o Smart Badge dispensa o papel e evita que os visitantes tenham de andar carregados pelo certame, ou esperar muito tempo para falar com algum responsável, a fim de obter informações, caso o stand esteja cheio", sublinha a organização da feira.

A pouco menos de dois meses do evento, 90% do espaço já se encontra ocupado por empresas que oferecem as soluções mais inovadoras em máquinas de embalagem, etiquetagem, software de automação e logística e serviços de logística para as indústrias da alimentação, bebidas, cosmética ou construção, das quais de destacam a Nestlé, RAR – Refinarias de Açúcar Reunidas, RGVS IBÉRICA (Decathlon), Super Bock Group e Víctor Guedes.