SIMAB e Brastece fomentam trocas comerciais entre Brasil e Portugal

  • 08 novembro 2018, quinta-feira
  • mercados

Fomentar a importação e exportação com base nos operadores dos respetivos mercados é a primeira intenção do Memorando de Entendimento agora subscrito pela Sociedade Instaladora de Mercados Abastecedores (SIMAB) e pela Confederação Brasileira das Associações e Sindicatos de Comerciantes em Entrepostos de Abastecimento (BRASTECE).

relacoes

Rui Paulo Figueiredo, CEO da SIMAB, e Waldir de Lemos, Presidente da BRASTECE, consideram estar reunidas as condições para o fortalecimento das relações bilaterais que possam potenciar as trocas comerciais entre os respetivos clientes, daí podendo resultar um posicionamento mais interessante no contexto do comércio internacional.

«O propósito deste memorando é estabelecer um quadro prático para o desenvolvimento de relações comerciais mais fortes entre as duas partes e estabelecer os procedimentos de cooperação que possam melhorar a implementação de objetivos económicos recíprocos», afirma-se no documento.

Assim, além do «estabelecimento de programas de intercâmbio comercial», as duas entidades propõem-se instalar “lojas de negócios” (“business outlets”) do Brasil em Portugal e de Portugal no Brasil.

Neste propósito de colaboração entre duas entidades representantes do comércio grossista em Portugal e no Brasil inclui-se ainda o «estudo do “status” da agricultura e tecnologias afins» e a «sugestão de medidas de troca de desenvolvimento da agricultura economicamente viável e ecologicamente sustentável».

Comprometem-se ainda as partes a, em conjunto, «realizar estudos de viabilidade comercial de todos os produtos economicamente viáveis para o comércio entre os dois países» em questão.