Setor da logística em crescimento

O volume de negócios do setor português de operadores logísticos registou 535 milhões de euros em 2017, o que representa um crescimento de 4,3% face ao ano anterior, segundo um estudo da Informa D&B.

logistica

Este ano, as receitas decorrentes das atividades de armazenagem, transporte e distribuição de mercadorias deverá alcançar 555 milhões de euros, prevê a empresa de estudos de mercado.

Novos serviços de maior valor acrescentado, comércio eletrónico e internacionalização da atividade das empresas portuguesas são os principais fatores a contribuir para o crescimento do setor.

«Apesar da recuperação da procura, as empresas enfrentam uma forte concorrência de preços para manterem as suas quotas de mercado, o que afeta a rendibilidade setorial. Em 2017, esta tendência acentuou-se, pelo que o aumento dos preços dos combustíveis reforçou a pressão sobre as margens dos operadores», alerta o estudo.

O setor carateriza-se pelo “elevado grau de concentração” da oferta, apesar de nos últimos anos terem nascido novas empresas de pequena dimensão. Os cinco principais operadores geraram 39% do volume de negócios global em 2017, revela a mesma fonte.

No final de 2017, 80 operadores logísticos tinham atividade em Portugal, os quais geriam 230 armazéns, mais de metade localizados em Lisboa e no Porto. A quota de mercado dos dez principais operadores logísticos é de 55%.

Fonte: Hipersuper