Segurança alimentar: alertas crescem ligeiramente em 2015

  • 05 setembro 2016, segunda-feira
  • mercados

O número de alertas sobre problemas de segurança alimentar, registados pelo Rapid Alert System for Food and Feed (RASFF), aumentaram ligeiramente em 2015, comparando com 2014, sendo que os casos mais frequentes foram os da salmonela nos frutos e vegetais.

O último relatório mostra que, em 2015, a RASFF teve 3.049 notificações originais, a que se seguiram 6.204 notificações de seguimento do processo.

Os alertas mais graves deram-se com 97 notificações de aflotoxinas em nozes importadas da China, 78 notificações por mercúrio em peixe espanhol e 78 por salmonela em fruta importada da Índia.

As notificações que mais cresceram foram sobre as nozes e sementes (+60%), enquanto as notificações sobre a carne e produtos derivados da carne desceu 54% e só foram 24 em 3.049, o que mostra um valor muito reduzido.

O número de suspeitas de fraude nos produtos alimentares praticamente duplicou, o que está a levar a uma colaboração directa entre a RASFF e a DG Sante para controlar o problema.

Fonte: Agroinfo