Chocolates "Avianense" renascem em Barcelos

A centenária marca de chocolates Avianense renasce em Barcelos com uma nova fábrica e um Museu do Chocolate, um investimento de 1,5 milhões de euros que dará emprego a 15 pessoas, informa o investidor, em comunicado.

A empresa produtora do chocolate foi fundada em Viana do Castelo em 1914, ainda na I República, e entrou em processo de falência em 2004, tendo sido a marca adquirida por um empresário têxtil, Luciano Costa, que recomeçou a produção em Barcelos.
A nova fábrica da Avianense terá uma produção na ordem dos 300 quilos de chocolate por dia.

«Cumprimos o sonho de recuperar uma marca centenária, criando postos de trabalho, produzindo chocolates de qualidade para um mercado mais exigente e apostando na nossa história e na nossa cultura», aponta o responsável.
O «renascimento» da marca assinala-se no sábado com a inauguração das novas instalações da fábrica e do novo Museu dos Chocolates Avianense, «um espaço cultural, interativo, com um auditório para 64 pessoas, que será aberto às escolas de todo o país e aos turistas».

Fonte: Agronegocios.